Posts tagged ‘referências vegetais’

MAR DE ROSAS

Como já mencionei aqui no blog, a fotografia (sobretudo as imagens feitas por mim mesmo) tem sido constante fonte de inspiração e referência no meu trabalho. Direta ou indiretamente, as fotos podem ser aproveitadas de diferentes formas na criação de uma estampa.

A imagem de uma rosa que fotografei no Jardim Botânico do Rio, serviu como base para algumas intervenções que originaram a estampa abaixo — obtida através de técnica mista. Inicialmente, usando o Photoshop, a flor da foto foi recortada e tratada com o filtro Conté Crayon, a fim de redefinir suas cores, luzes e sombras. Como na imagem original não apareciam as folhas inteiras da roseira, escaneei uma folha coletada no jardim do meu prédio. Na mesma folha escaneada e recortada, foram aplicados dois filtros distintos (Conté Crayon e Photocopy) que proporcionaram efeitos diferentes.

Aproveitando a fotografia original, redesenhei, à mão-livre, sobre papel vegetal, os contornos e sombras da rosa, usando grafite. Fiz mais um redesenho, também em papel vegetal, usando lápis de cor, para capturar apenas o contorno na flor. Os dois desenhos foram escaneados, sendo que no realizado com lápis de cor foi aplicado o filtro Stamp; no desenho feito com grafite não foi aplicado filtro algum.

Posteriormente, com todos os motivos elaborados, criei a composição procurando mesclar os elementos de forma equilibrada, dando ênfase às rosas bicolores e folhas, deixando os desenhos feitos à mão-livre (contornos e chapados) para preencher o fundo. Assim, usando somente duas referências vegetais (foto da rosa e folha escaneada), mas tirando partido de diferentes efeitos e combinações de cores, foi possível criar uma estampa rica e diversificada. Nas padronagens acima, com a modificação apenas das tonalidades das folhas e do fundo, foram obtidas duas possibilidades cromáticas: uma mais luminosa e fresca, outra mais “dramática” e marcante.

2 julho 2012 at 0:14 12 comentários

FOLHAS | referências para criação de estampas

Tão importantes quanto as flores em termos de referência para o Design de Estamparia, as folhas, com sua enorme variedade de formas, cores e texturas, se constituem em elementos que podem ser usados não somente como auxiliares em composições florais, mas também de modo independente.

Como já disse várias vezes aqui no blog, a fotografia é um hobby que procuro levar a sério. Assim, sempre que vejo alguma folha que me atraia a atenção, não perco tempo: capturo-a com minha máquina fotográfica de todos os ângulos que me pareçam interessantes. Geralmente, faço várias fotos a certa distância e também usando o modo macro, pois desta forma tenho no mínimo duas possibilidades: a folha (ou mesmo a planta) como um todo e alguns detalhes dela.

Acho cada vez mais importante que todo designer tenha seu próprio acervo de imagens a serem usadas como referência ou fonte de inspiração. Essa documentação pessoal acaba sendo não apenas exclusiva, mas também construída segundo os critérios estéticos do próprio designer — o que pode ser valioso durante o processo criativo.

A seguir, algumas imagens de folhas fotografas por mim em diferentes lugares. Inspirem-se!

Palmeira | Licuala grandis (Jardim Botânico)

Cróton | Codiaeum variegatum pictum (Itanhangá)

Vitória-régia asiática | Euryale ferox (Jardim Botânico)

Cicas | Cycas undulata (Jardim Botânico)

Eritrina verde-amarela | Erythrina indica picta (Itanhangá)

Vitória-régia | Victoria amazônica (Jardim Botânico)

Alpínia | Alpinia zerumbet (Itanhangá)

Cotilédone | Cotyledon macrantha (Jardim Botânico)

Tinhorão | Caladium bicolor (Ubatuba)

Zamia | Zamia pumila (Jardim Botânico)

As fotos de folhas — bem como de qualquer outro motivo — podem ser aproveitadas de diferentes maneiras em termos de referência para estamparia: uso direto, como, por exemplo, nas estampas fotográficas (neste caso é imprescindível que as imagens sejam de autoria do próprio designer) e uso indireto, como, por exemplo, fotos vetorizadas, redesenho (decalcado), desenho de observação, estilização. É possível também fazer uso da técnica mista, ou seja, mesclar na mesma estampa fotos e desenhos, imagens e vetores, desenhos feitos diretamente no micro e desenhos feitos à mão-livre… Abaixo, algumas estampas desenvolvidas por mim tendo folhas como tema. Observem como os resultados podem ser bastante diversificados.

16 maio 2011 at 9:47 22 comentários


Padronagens & Afins

Sobre mim

Follow padronagens & afins on WordPress.com

Meu Instagram

Houve um erro ao recuperar imagens do Instagram. Uma tentativa será refeita em poucos minutos.

Digite seu e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas postagens.
Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 666 outros seguidores

Meus Tweets

Arquivos

Calendário

setembro 2019
S T Q Q S S D
« jan    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Estatísticas

  • 876.635 visitas